Pós-Graduação

Linhas de Pesquisa

1 - SOCIOLOGIA: TEORIA E HISTÓRIA

A linha de pesquisa abrange os estudos em sociologia da ciência e a análise dos fundamentos lógicos, metodológicos e teóricos da investigação em ciências sociais, integrados ou não, mas sempre voltados para o incremento da reflexão da sociologia em relação a seus instrumentos cognitivos, conceituais, heurísticos e técnicos, reflexão que se torna mais efetiva com o uso de reconstruções históricas, teóricas e/ou metodológicas das diversas correntes do pensamento sociológico, desde os pioneiros no século XIX até os desdobramentos contemporâneos no centro e na periferia.

Docentes: Alexandre Braga Massella, André Nahoum, Antonio Sergio Guimarães, Fernando Pinheiro, Fraya Frehse, Helena Hirata, Laurindo Minhoto, Leopoldo Waizbort, Luiz Jackson, Maria Arminda do Nascimento Arruda, Maria Helena Oliva Augusto, Nadya Araujo Guimarães, Paula Marcelino, Ricardo Musse, Sergio Adorno, Sergio Miceli.

 

2 - CULTURA E PODER SIMBÓLICO

A linha de pesquisa investiga as relações existentes entre o universo simbólico, das representações sociais, da produção intelectual, científica e artística, da educação e da religião e as esferas de poder institucional e social. Os trabalhos desenvolvidos exploram as diversas modalidades de inscrição da cultura no interior da vida social e das instituições políticas, sobretudo o Estado, abarcando amplo leque de temas, das áreas das artes, da literatura, do pensamento social brasileiro, do cinema, da história social dos intelectuais, dos cientistas e dos especialistas, da indústria cultural, das expressões artísticas populares, da educação e das filiações religiosas. O universo empírico é explorado segundo diversos aportes teórico-metodológicos, configurando-se tanto como um mundo social a ser conhecido, quanto como formas expressivas a serem interpretadas do ponto de vista sociológico.

Docentes: Ana Paula Hey, Fernando Pinheiro, Leopoldo Waizbort, Luiz Jackson, Maria Arminda do Nascimento Arruda, Paulo Menezes, Reginaldo Prandi, Ricardo Musse, Sergio Miceli e Sylvia Garcia.

 

3 - DINÂMICAS DE CLASSE, RAÇA, GÊNERO E GERAÇÃO

Esta linha tem dois objetivos principais, para os quais convergem as agendas dos seus membros: (i) desenvolver análises de sujeitos coletivos em configurações sociais específicas, sob determinadas estruturas de oportunidades e em conjunturas políticas particulares; (ii) entender o modo como, entre as múltiplas identidades que marcam a posição social dos indivíduos, algumas delas são realçadas para o convívio social, para a produção de fronteiras sociais e simbólicas, para a luta política e para a definição de desigualdades estruturantes de hierarquias sociais.

Docentes: Antônio Sergio Guimarães; Edison Bertoncello; Eva Alterman Blay; Gustavo Venturi; Helena Hirata; Márcia Lima; Maria Helena Oliva Augusto; Murillo Marschner; Nadya Araujo Guimarães; Paula Marcelino.

 

4 - ECONOMIA, TRABALHO E SOCIEDADE

​​​​​​​As conexões entre economia e sociedade formam o solo comum para as reflexões nesta linha, que tem no trabalho um prisma de análise privilegiado. As pesquisas recobrem cinco vertentes. A primeira focaliza empresas e políticas em seu nexo com inovação e desenvolvimento. Na segunda a economia é examinada como um constructo conceitual de representação da realidade. Na terceira estão os estudos sobre a construção social de mercados. A quarta acompanha os impactos de uma economia digital sobre as relações de emprego e de trabalho. A quinta focaliza a reconfiguração das identidades coletivas dos trabalhadores e a ação sindical frente às novas formas de expressão e de negociação de seus interesses.

Docentes: Alvaro Comin; André Nahoum; Glauco Arbix; Helena Hirata; Iram Rodrigues; Leonardo Mello e Silva; Nadya Araujo Guimarães; Paula Marcelino; Ruy Braga.

 

5 - ESTADO, POLÍTICA E AÇÕES COLETIVAS

A linha de pesquisa reúne estudos sobre as relações de cooperação e conflito entre sociedade e estado, que definem a tomada de decisões e a direção das políticas públicas, investigando as disputas entre diversos atores sociais e suas formas de mobilização e protesto, de representação de interesses e de expressão de identidades simbólicas. Engloba estudos de caso sobre o Brasil, comparações entre países e regiões e análises de dinâmicas e interações transnacionais, em conjunturas contemporâneas e processos de longa duração. De caráter transdisciplinar, explora perspectivas teóricas e metodológicas distintas, atuando nas fronteiras da sociologia com diversas disciplinas de ciências humanas e em diálogo com as ciências exatas e da vida.

Docentes: Alvaro Comin; Ana Paula Hey; Ângela Alonso; Brasílio Sallum; Glauco Arbix; Murillo Marschner; Ricardo Mariano; Sylvia Garcia; Sedi Hirano.

 

6 - CIDADES: INTERAÇÕES, DESIGUALDADES E (I)MOBILIDADES SOCIOESPACIAIS

Enfoca-se a dimensão socioespacial da vida urbana segundo três eixos: as temporalidades e espacialidades das interações sociais (não) cotidianas mediadas corporal e materialmente; formas e dinâmicas conflitivas, que expressam e constituem práticas e repertórios de lutas espaciais e de ilegalismos (mercados informais/ilegais); disputas em torno dos fluxos de corpos, coisas, imagens e informações, referidos a regimes de mobilidades e fixos infraestruturais. Referências teóricas provêm das sociologias urbana, da vida cotidiana, do conflito, do espaço e das mobilidades, em diálogo interdisciplinar. Trabalha-se com métodos e técnicas socioetnográficos, documentais, audiovisuais e métodos mistos. 

Docentes: Bianca Freire-Medeiros; Fraya Frehse; Vera da Silva Telles.

 

7 - VIOLÊNCIA, DIREITOS E CIDADANIA

​​​​​​​A linha de pesquisa explora diferentes perspectivas subjacentes ao modo sociológico de pensar a violência na contemporaneidade. Contempla estudos teóricos e empíricos sobre modalidades e dinâmica da violência, inclusive crime organizado, distribuição dos crimes e dos fatos violentos no tempo e no espaço, organização das instituições encarregadas de controle da ordem pública, políticas preventivas e repressivas de contenção da violência e crimes, processos sociais de criminalização e punição, estudos sobre prisões e políticas de encarceramento, linguagens sociais manifestas em expressões estéticas e artísticas.

Docentes: Laurindo Minhoto; Marcos Alvarez; Sergio Adorno.